Paulo Roberto é Pedagogo, Sindicalista e Petista.

Minha foto
Dever cumprido é fruto da ousadia de um velho militante das lutas democráticas e sociais do nosso Brasil, que entende que sem uma interação rápida, ágil, eficiente e livre com o que rola pelo mundo, a democracia é pífia.

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

TIRANDO DÚVIDAS

Tem professor fazendo confusão com as datas. Um colega postou um comentário na matéria publicada aqui em 14/01/2012 com o título “Vejam o que nos aguarda II”, fazendo a seguinte pergunta:
“Gostaria que me informassem se está confirmada a assembleia do dia 17 de janeiro no sindicato sobre o caso Unig?”
Quero informar ao colega que não há assembleia marcada para amanhã dia 17/01/2012, amanhã teremos é uma audiência na justiça do trabalho pedida pelo SINPRO NNF, para que a juíza aprecie o não cumprimento dos acordos feitos com a UNIG. Como sabemos, a muito a Universidade não paga salário de professores e não da à mínima para ninguém: nem para os professores, para o SINPRO, para o Ministério Público do Trabalho e muito menos para a Justiça do Trabalho.
A audiência será amanhã às 14h e pedimos ao maior número possível de professores que estejam nessa audiência.
Será um momento decisivo para o futuro da nossa relação de trabalho com a UNIG e para os rumos do nosso movimento, logo no retorno das aulas o sindicato vai fazer reuniões com os professores para mobilização da assembleia permanente que se reunirá no dia 15/02/2012. Quando aí sim, teremos subsídios para decidir os rumos do nosso movimento.    
ENTÃO TODOS AMANHÃ, ÀS 14h, LÁ NA JUSTIÇA DO TRABALHO, NA VINHOSA.                                                    

16 comentários:

  1. Retorno das aulas?????Era pra naõ retornar ,não é???
    Naõ estou entendendo bem o que está acontecendo,mesmo aconpanhando as publicações.
    Por favor,gostaria de saber a situação dos colegas, se estão recebendo seus salários e demais direitos.
    Obrigado,

    ResponderExcluir
  2. Há uma insegurança muito grande hoje, o que não e novidade, no caso UNIG, caso sem solução! Parece que o negocio não vai avançar, pois a divida da UNIG e impagável, e houve problemas judiciais nosmcasos Gama Filho, e Univercidade! Esse grupo se difere de outros grupos, pois nao respeita direitos trabalhistas! A greve me parece iminente! Professores dizem que nao voltam e alunos pedem transferencia para IES serias! Educação superior nao e negocio!

    ResponderExcluir
  3. A greve esta confirmada? Podem informar? A UNIG foi realmente vendida, novamente, ? Alguem sabe?

    ResponderExcluir
  4. Gostaria de saber se vai ter retorno das aulas? Até agora não pagaram nada, e se pagarem será apenas 1 salário. Qual será o posicionamento do sindicato nesta situação? Recebendo apenas 1 vamos voltar e esperar?

    ResponderExcluir
  5. É um absurdo a situação que nós professores vivemos, já estamos com sentimento de frustração,piedade... Até agora nem o salário de novembro recebemos, férias sem R$1,00 no bolso. É muita humilhação e vergonha. Acho que temos que nos unirmos para não voltarmos para salas de aula nesta situação, afinal que processo de educação é este no qual fazemos parte? Por favor, vamos tomar vergonha na cara!!!

    ResponderExcluir
  6. Paulo, por favor, mobilize para não ter retorno às aulas como foi feito ano passado. Os professores ficam cautelosos por medo, mas se o sindicato tomar pulso como da última vez o problema poderá melhorar. As aulas não podem voltar nesta situação.

    ResponderExcluir
  7. É um absurdo o docente ter que cumprir com suas obrigações sem contar com seu pagamento no final do mês. Nós alunos devemos tomar as rédias dessa situação como fizemos da outra vez, temos que cobrar e saber para onde vai todo o dinheiro?, já que as nossas mensalidades são pagas em dia; afinal, de acordo com o artigo 7 da constituição de 98 todo trabalhador tem os seus direitos garantidos por lei...MANIFESTAÇÃO JÁ!!!!

    ResponderExcluir
  8. Já houve alguma posição oficial da UNIG? Gostaria de saber também se esse e o melhor canal para fazer essas perguntas, já que por aqui nao há respostas nenhumas do Sr Paulo! Colegas dizem que novato retornar...e como fica os alunos novamente?

    ResponderExcluir
  9. dia 30 e nao recebi ainda!

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  11. • Infelizmente a universidade a muito não faz pagamento de professores.
    • Como ficam os alunos nós não sabemos, nem como vai ficar os professores, pois essa é uma decisão deles e não minha e nem do sindicato.
    • Muito bem, é isso mesmo, se as notas do ENADE foram boas é porque temos bons professores, e disso os alunos não podem abrir mão.
    • Meu companheiro já não dar mais para ter medo, com o caos que vislumbramos, todos perderão. Portanto não cabe mais medo.
    • É isso aí, ter posição também é pedagógico e a covardia é um péssimo exemplo.
    • Eu não posso falar qual é a posição do sindicato, eu sou uma cabeça em 15, mas certamente vamos acompanhar o que quiser a maioria dos professores.
    • Temos dito isso “EDUCAÇÃO NÃO É MERCADORIA”, PARA A UNIG é pior do que isso e para a Galileo Educacional é um GRANDE NEGÓCIO.
    • Na verdade ninguém esta recebendo nada, ao que me parece nem concluíram a folha de novembro/2011 em 31/01/2012.
    Enfim só nos resta decidir se iniciamos ou não o ano letivo de 2012.

    ResponderExcluir
  12. E mais do que evidente e obvio que nao se pode iniciar o ano letivo! Primeiro que essa estória de Galileo é mais um engodo, consulte o MEC! Vejam se tem alguma troca de Mantença! Não Há! Portanto estão tentando ganhar tempo para mais uma vez empurrar o problema com a barriga! A questão e o seguinte! Os professores tem que tomar vergonha na cara e ter mais coragem! Nao há nada mais a perder! E os alunos deveriam procurar uma outra Faculdade o maismrapido possível! Isso nao vai acabar bem...

    ResponderExcluir
  13. O melhor a fazer é manifestação através da paralisação, não podemos retornar sem saber de nada, uma hora é um empresário que vem e fala um monte de literalmente "abobrinha" subestimando nossa capacidade de perceber que aquilo era uma palhaçada, ou será que realmente somos palhaços??? Já nem sei mais... Agora é um grupo Galileu que está por vir,sendo este um bando de corruptos que fazem da educação uma mercadoria barata, e como sempre, os professores sofrem a falta de pagamento por tamanha desonestidade. A PARALISAÇÃO DEVE ACONTECER! Vamos tomar vergonha na cara, valorização profissional e até mesmo pessoal faz bem..!

    ResponderExcluir
  14. Ministério Publico, cadê vc? Unig lesa os cofres públicos há décadas, lesa professores, forma péssimos profissionais e nada se faz?! O que está havendo! Quando vamos levar a educação superior a serio?! Professores, reajam!

    ResponderExcluir
  15. É foda.
    Ninguém fala nada para os alunos também.
    Somos mais vítimas do que vocês professores pois, afinal, pagamos por nada.
    Se vocês trabalham e não recebem, nós trabalhamos, pagamos e não recebemos o que deveríamos também.
    Enquanto vocês, mesmos que revoltados ficarem acobertando a instituição em vez de colocar logo a real situação para o aluno eles vão enrrolar vocês de um lado e nós seremos errolados d'outro.

    ResponderExcluir
  16. alguem sabe me informar se a unirg vai ter vestibular no meio do ano????

    ResponderExcluir